AntiFraude x Blindagem de Sites: Qual a diferença?

antifraudexblindagem

Com o aumento do interesse em transações online, os e-commerces ficam visados pelas pessoas mal intencionadas. Para isso, são necessárias algumas precauções. Como serviços de blindagem e antifraude, mas qual a diferença entre eles? Vamos explicar para você nesse artigo o que os diferencia.

O que é o sistema antifraude para e-commerce?

Para explicar com clareza, vamos entender primeiro o que é a fraude. Essa pode ocorrer de diversas maneiras, como por exemplo: fraude efetiva, auto fraude e fraude amigável.

  • Fraude efetiva: A compra é realizada com um cartão roubado ou clonado. O produto é entregue normalmente e a compra efetivada. Mas, quando o titular da conta percebe a cobrança indevida, solicita o estorno do valor. Portanto, alguém precisa arcar com o prejuízo. Na maioria dos casos, as bandeiras de cartão entendem que o e-commerce é culpado, ou seja, o lojista fica sem o produto e sem o dinheiro.
  • Auto Fraude: O cliente compra, recebe o produto, mas informa ao cartão que não realizou a compra. Nesse caso, geralmente é possível realizar uma investigação para saber se o titular do cartão efetuou ou não a compra.
  • Fraude Amigável: Alguém próximo ao titular do cartão realiza compra sem que ele saiba, portanto, acha que é uma cobrança indevida. Nesse caso, é mais fácil de reverter a situação a favor do e-commerce.

Após ler os tipos de fraude, você pode observar que na maioria dos casos, quem lida com o prejuízo é o e-commerce. Mas, como o sistema antifraude previne isso? Através de redes neurais e outras técnicas de inteligência artificial, analisam informações que autorizam ou não, a compra. Informações, como: validação do código de segurança, rastreamento do cartão, registro de um banco de dados, verificação do endereço, definição do grau de risco.

Um sistema antifraude, portanto previne o lojista de sofrer golpes e prejuízos. Alertam e previnem a empresa sobre riscos nas operações e perdas financeiras.

O que é a blindagem de sites?

Uma série de ações que possui diferentes tipos de proteção para os sites que evitam: acesso de pessoas mal intencionadas nos dados fornecidos ao site e banco de dados, sequestro de sites, derrubamento de página e alteração de preços. A blindagem reduz as chances do site se tornar vítima de pessoas mal intencionadas. Com diferentes tipos de produto, a blindagem se adapta para cada tipo de site. Como são diferentes níveis de proteção, existem: análises de vulnerabilidade, detecção de malware, waf, scan de vulnerabilidade, certificados SSL, entre outros serviços.

Qual a diferença entre os dois, afinal?

Resumidamente, o sistema antifraude fornece uma proteção ao lojista em relação aos diferentes tipos de fraude durante a realização da compra, no ato de pagamento e prevenindo que sofra prejuízos financeiros e morais. Já a blindagem de sites, reduz as chances do site se tornar vítima de pessoas mal intencionadas, que possam interferir no site em geral, não no ato do pagamento para identificar se o cartão é legitimo, mas para identificar se o site está seguro.

 

 

 

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s