10 táticas de SEO para ajudar no posicionamento de sua loja virtual

7

Usar táticas de SEO já deixou de ser novidade há muito tempo. Agora, quem tem e-commerce e não investe na otimização para buscadores está fadado a cair no esquecimento ou deixar de ser descoberto.

A questão aqui é que muito se fala do SEO para sites e blogs cheios de textos institucionais e artigos, entretanto, nem todos sabem ainda como podem estruturar seu e-commerce e empregar estas mesmas táticas de SEO ali. Se esse é seu caso, fique tranquilo, pois abaixo passamos algumas dicas que podem te ajudar nesta!

Táticas de SEO para e-commerce

1) Definir “keywords” relevantes é o passo inicial nas táticas de SEO. Keywords são, afinal, as palavras que o consumidor irá buscar para encontrar seu negócio e produtos que você ofereça. Se sua marca ainda não for muito conhecida, valorize mais o nome dos produtos e trabalhe o “long tail” para tentar chegar aos clientes de nicho. Se você vende chapéus, por exemplo, é difícil concorrer com lojas grandes por essa palavra, assim poderá trabalhar termos como “chapéu vermelho” ou que sejam mais descritivos e cheguem a um nicho segmentado que busca pelo produto com características mais bem definidas.

2) Investir em SSL é uma maneira eficiente de melhorar sua relevância no Google. É que o buscador tem levado a segurança bem a sério e achou por bem usar a criptografia como um critério de desempate para sites semelhantes. O SSL é um protocolo de segurança que cria uma espécie de chave sobre os dados sigilosos que transitam no site e dificulta o acesso de informações dos seus clientes por pessoas mal-intencionadas. Um site com SSL é reconhecível pelo HTTPS na url e um cadeado verde que aparece ao lado dele.

3) Segmentar produtos por categorias é outro ponto que ajuda a melhorar a otimização dos sites. Isso auxilia a leitura do site pelos robôs de busca e indica a relevância do seu site para uma categoria de produto que o cliente esteja procurando.

4) Usar urls amigáveis também facilita a “leitura” do site pelos robôs e, por isso, deve figurar entre suas táticas de SEO. Fora isso, a url amigável mostra que o conteúdo da página está falando realmente sobre o tema da palavra-chave buscada pelo cliente.

5) Pensar nas páginas de erro ajuda o site a manter relevância no Google. Por isso, se seu estoque estiver esgotado deixe a página ali, explicando quando os produtos deverão voltar ao estoque. Já se o produto sair definitivamente de estoque, procure redirecionar a página para a categoria principal, por exemplo, assim o cliente acha produtos similares ao que procurou e você não perde relevância no buscador.

6) Caprichar nas descrições internas dos produtos é essencial para trabalhar as palavras-chave de seu negócio. Respeite sim as keywords indicadas por fabricantes, mas não deixe de criar sua própria descrição com base nelas. Seja detalhista, mas sem esquecer de escrever para o público (o Google deve ser uma consequência), então nada de encher de informações desnecessárias só para tentar rankear melhor.  

7) Enviar seu sitemap para o Google Search Console é um cuidado que também ajuda o trabalho dos motores de busca e turbinam suas táticas de SEO. Assim, fica mais fácil que eles tenham um panorama com todas as páginas internas do seu site e o indexem mais rapidamente. Outro ponto é que o sitemap colabora para mostrar o que é mais ou menos relevante no seu site e isso pode te posicionar melhor para seu foco principal.

8) Otimizar imagens de produtos é algo que muita gente esquece, mas permite melhorar seu SEO e posicioná-lo entre quem buscar pelo produto em um pesquisa por imagem. Muita gente quer ver se o resultado é o mesmo produto que estão pensando e para o varejo eletrônico as imagens se tornam fundamentais. Por isso, trabalhe sempre as keywords do produto em todos os nomes de fotos e ilustrações.

9) Planejar uma “Política de Cadastro de Produto” a ser consultada por toda a equipe que irá fazer o upload de informações pode ser uma solução para garantir que todos os produtos subam otimizados. Definir palavras-chave não irá adiantar muito se suas táticas de SEO não forem trabalhadas o tempo todo: para tanto, garanta que todo o time esteja engajado em melhorar a relevância do site.

10) Mantenha um blog se for o caso. Você pode trabalhar as palavras-chave melhor por meio dele e isso pode ser importante caso você tenha poucas páginas internas de produtos ou eles sejam de universos muito diferentes um do outro. Apenas tenha a certeza de mantê-lo vinculado ao e-commerce e de escrever informações relevantes para o público e não só para o Google. Não esqueça que se as páginas tiverem um índice de rejeição do público em níveis muito altos você também irá perder relevância e posições na busca, o que comprometerá o sucesso de todas as suas táticas de SEO empregadas até aqui.

O SSL você já sabe onde contratar: na Site Blindado!

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s