instrução para usar a internet

Dicas de segurança na internet

Nativos digitais – por que as novas gerações precisam sim de instrução para usar a internet?

8 fev , 2018  

Já é de conhecimento geral sobre como as novas gerações, Y e Z, ou seja, nascidos após os anos 80 e 2000, respectivamente, possuem uma grande capacidade de adaptação com as novas tecnologias, em especial no uso da internet.

Parte dos nascidos na geração Y e toda a geração Z vieram ao mundo com a internet já inserida em nosso dia a dia, de forma que são considerados “nativos digitais”. Muitas vezes, eles demonstram uma facilidade enorme em aprender a utilizar um novo gadget ou aplicativo, o que passa a impressão de que os jovens já sabem de tudo que há para se conhecer sobre a internet.

Na verdade, embora muitos possam ser verdadeiros professores dos mais velhos na hora de ensinar como utilizar um recurso digital, é preciso ter em mente que muitos dos nascidos nessas gerações ainda são adolescentes, de 13 a 17 anos, e crianças, com 12 anos ou menos, e que o meio digital é um grande universo que oferece facilidade, mas alguns riscos também.

A exposição de informações pessoais de forma insegura, a chance de fazer compra, mas em um site desconhecido: estes são alguns fatores aos quais todos estão sujeitos e que mesmo as novas gerações podem não ter informações o suficiente para se defender.

 

A internet é arriscada para as crianças?

Pelo contrário: se for bem utilizada, a internet é uma boa saída para as crianças se distraírem, conversarem com amigos, jogarem, fazerem compras, além de pesquisas e estudos com grande facilidade.

O único risco é quando elas não possuem informações o suficiente sobre como preservar a segurança e identificar sinais que deveriam despertar alguma desconfiança. O produto da moda sendo vendido muito mais barato em um site desconhecido, sites que pedem informações pessoais, mas não oferecem segurança: estes são fatores que as crianças devem aprender a identificar para se protegerem.

 

Como posso instruir meu filho para usar a internet de forma positiva?

  • Conheça os aplicativos e sites que ele utiliza e se estão adequados para sua faixa etária. O Facebook, Instagram e Twitter, por exemplo, são recomendados apenas para maiores de 13 anos;
  • Não deixe de conversar com seu filho, informalmente, sobre como ele costuma usar a internet, o que acessa e com quem interage para entender se há algum comportamento fora do esperado ou que possa oferecer alguns riscos;
  • Explique para os jovens como eles podem comprar com segurança na internet, procurando indicadores como SSL, selo Site Blindado e empresas confiáveis. No artigo “Alerta vermelho! Como identificar sites falsos” explicamos mais sobre como fazer essa identificação;
  • Também oriente sobre a importância de utilizar o canal “Verifique” na hora da compra para entender se o site é ou não blindado;
  • Explique também algumas formas de evitar riscos gerais usando e-mails, redes sociais, no mobile ou na hora da compra. Caso tenha dúvidas sobre isso, consulte nossas 24 dicas para manter a segurança na internet.

 

Além disso, não deixem de acompanhar as novidades aqui no blog da Site Blindado, onde fornecemos dicas de navegação e instrução para usar a internet com segurança, além de informações sobre novos tipos de golpes e como se proteger contra eles.

 

Leia também:

Golpes no Facebook: como identificar e se proteger de promoções falsas

8 sinais de que você precisa de ajuda para comprar com segurança

3 motivos para comprar em uma loja com o selo Site Blindado

, ,