site invadido

Segurança de site e e-commerce

Site invadido: como evitar este problema

6 dez , 2018  

O risco de você ter um site invadido ou hackeado é constante, afinal os perigos no universo online não param de surgir e, quanto mais a internet predomina nos dias atuais, maiores são os problemas de segurança encontrados. Por esse motivo, é necessário garantir que nenhum hacker consiga invadir o seu site, seja ele um e-commerce, um blog pessoal ou apenas uma página corporativa.

O que pode acontecer com um site invadido?

Quando se trata de um site invadido, existem algumas possibilidades. Uma delas é que o hacker tenha entrado na página apenas para “tumultuar”, alterando textos, fotos, valores de produtos (em casos de e-commerces) ou cores, por exemplo.

No entanto, muitas invasões são bastante prejudiciais, já que os hackers podem roubar senhas, dados bancários e outras informações pessoais dos usuários, como nome, endereço residencial, telefone, e-mails, entre outros.

Algumas consequências de ter o site invadido são, não apenas prejudicar a imagem e credibilidade do seu site, como também ter o seu posicionamento no Google afetado, já que o buscador pode identificar o problema e retirar a URL dos resultados de busca, o que afeta a visibilidade da página e, consequentemente, faz com que a audiência caia rapidamente.

Sem contar que, quando um site é invadido, o próprio usuário pode ficar com um pé atrás e evitar acessá-lo.

Como evitar ter o site invadido?

Para evitar ataques e proteger o seu site de maneira eficiente, não deixe de investir em segurança online.

Busque um servidor mais preparado contra hackers, faça escaneamentos e testes regularmente para identificar falhas de segurança, mantenha as páginas sempre atualizadas e, além disso, contrate soluções de segurança de empresas de confiança, como a Site Blindado.

Nós somos a principal parceira de segurança online para sites institucionais e e-commerces na América Latina. Já são mais de 5000 sites utilizando as nossas soluções, que são reconhecidas por grande parte dos consumidores finais, que têm o Selo Site Blindado como seu principal meio de identificação de segurança no momento de fazer compras e compartilhar seus dados.

Entre em contato conosco e conheça nossos serviços!

Leia também:

Fraude no e-commerce: veja como proteger sua loja virtual

Conheça a lei de proteção de dados brasileira

WhatsApp web é seguro? Saiba como se proteger!

,